Arquivos Aeronáuticos no Google+

O QUE É UM TÁXI AÉREO ?

E O QUE ELE OFERECE ?

Táxi Aéreo e um conjunto de aeronaves dotadas a serem fretadas por tempo indeterminado para exploração a aqueles que necessitam de agilidade conforto e segurança, em serviços de transportes de pessoas, cargas, UTI Aérea, transporte de valores e reconhecimento visual.


“Espírito de Servir” - Podemos dizer que todo Táxi Aéreo possui como lema o “Espírito de Servir”. Seja a negócios ou a lazer, as empresas procuram oferecer aos seus clientes um serviço personalizado, unindo qualidade, conforto, sofisticação e segurança – o conhecido serviço “First Class” ou “Classe A”, que são prestados desde o momento da Coordenação de Voos, até a recepção no embarque das aeronaves.

Preocupam-se também com um serviço de bordo exclusivo e diferenciado a cada cliente, unindo uma melhor frota de aeronaves e uma tripulação experiente.

A AVIAÇÃO CIVIL TEM GRANDE POTENCIAL
DE CRESCIMENTO NO BRASIL ?

O Brasil possui 2.200 aeroportos, 220 helipontos e mais de 2.600 pistas registradas disponíveis para a Aviação Geral, constituindo-se como o segundo maior espaço aéreo do mundo. Apenas 180 desses aeroportos são atendidos pela aviação comercial.

Não é à toa, portanto, que o País passou a exibir a segunda maior frota executiva do mundo. A aviação é importante para o Brasil, antes e acima de tudo, devido ao seu tamanho, que com seus mais de 8,5 milhões de quilômetros quadrados é um dos maiores países do mundo.

Aviões executivos possibilitam eficiência, rapidez, segurança e, às vezes, são a únicas possibilidades de acesso aos mercados mundiais. Além disso, mesmo entre as capitais, a aviação comercial tem poucas opções de horário e de itinerários, causando grandes dificuldades a empresários que têm escritórios e instalações industriais espalhadas por todo o Brasil.

Seus benefícios se mostram poderosos quando o tempo é precioso; a mobilidade é vital e o cumprimento de prazos, essencial.

Outro aspecto a ser destacado é que esse tipo de viagem não é privilégio apenas de altos funcionários das grandes companhias.

Estudos mostram que a maioria dos passageiros é composta por médios empresários e técnicos. É nesse cenário que a aviação executiva complementa os serviços da aviação comercial, indo aonde (e quando) ela nem sempre pode ir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário